Indústria de Tratamento e Valorização de Resíduos

A reciclagem é percebida por grande parte da população como o principal – e talvez o único – processo existente
de reaproveitamento de resíduos sólidos. Mas muitos ficariam surpresos com a infinidade de aplicações e a
riqueza de subprodutos que são gerados a partir do material descartado em residências, comércios e fábricas. Até
mesmo itens em ouro, prata e platina ganham vida com o trabalho de valorização dos resíduos.

Além da recuperação de metais preciosos, os resíduos também se transformam, por exemplo, em fertilizantes e
adubos, em combustível para a indústria de cimento, e em energia elétrica, com processos de tratamento da matéria
orgânica e também com o aproveitamento do biogás dos aterros. Tais processos tornaram-se, na verdade, grandes
negócios para muitos grupos empresariais e têm movimentado o setor de engenharia e proteção ambiental no
Brasil e no mundo. Foi assim que nasceu a chamada Indústria de Tratamento e Valorização de Resíduos (ITVR), uma atividade
desafiadora que vem sendo desenvolvida com excelência pelo Grupo Solví no Brasil, na Argentina, Bolívia e no Peru.

Leia mais na edição 28 da Revista Solví.

 

ITVR