Termoverde Caieiras movida a biogás

Empreendimento representa um importante reforço energético para São Paulo e tem a sustentabilidade como pilar

Termoverde Caieiras

A maior termelétrica movida a biogás de aterro sanitário do Brasil e uma das maiores do mundo será entregue no próximo dia 16, a Termoverde Caieiras, movida a biogás. A unidade está localizada na Central de Tratamento e Valorização Ambiental (CTVA) da Essencis, no município de Caieiras, a 33 quilômetros da capital paulista na Rodovia Bandeirantes.

A Termoverde Caieiras tem potência instalada de 29,5 MW e gera energia limpa a partir do resíduo depositado no aterro sanitário da Essencis. O gás metano, decorrente da decomposição dos resíduos orgânicos depositados no aterro, é o combustível utilizado para a geração de energia. A geração de energia a partir do metano é uma forma sustentável de valorização dos gases, além de gerar créditos de carbono.

A usina foi construída em uma área de 15.000 metros quadrados e teve autorização da Aneel para iniciar a operação em julho de 2016. É um investimento de mais de R$100 milhões do Grupo Solví, que atua nos segmentos de gestão de resíduos, saneamento e energia renovável.

Além de ser um importante reforço energético para a região, o posicionamento da Termoverde Caieiras possui forte comprometimento com a responsabilidade social e ambiental. Entre os benefícios da termelétrica ao meio ambiente destacam-se: a preservação da vegetação e da fauna local; a manutenção da topografia existente; a não geração de odores; e a isenção de riscos de poluição de mananciais e da atmosfera.

 

 

 

Postado em News,Últimas